Sobre a escritora

Diana Pinto. Teve uma alcunha conhecida no Blogger entre 2009 e 2015: DSP. 
Nasceu em Lisboa (Portugal) no dia 15 de Dezembro e é de signo Sagitário.
O gosto pela leitura iniciou-se na infância. No início lia apenas livros infantis, mas depressa a sua preferência passaram a ser os livros policiais.
O gosto pela escrita também veio cedo após começar a escrever pequenos textos para aperfeiçoar a sua caligrafia. 
A primeira estória foi "História de uma Adolescente", começada no ano de 2005 e terminada apenas em 2007.
A primeira estória mais virada para policial começou a ser escrita em 2008 e terminou no mesmo ano. Era "Uma Vida de Sombra".
A estória que fez crescer o seu blog foi a terceira estória, também virada para o policial, "A Escola do Terror".
Escreveu poemas entre 2007 e 2009, mas hoje apenas escreve estórias.

Página do Facebook: Diana Pinto


Curiosidades

- Inspira-se em filmes de terror ou algo com um certo suspense quando precisa de escrever um capítulo decisivo numa estória de drama;
- Quando escreve capítulos tristes, dramáticos, geralmente veio a inspiração numa música triste;
- As estórias baseiam-se nos seus sentimentos, nos seus desejos, nos seus pensamentos e também em pensamentos opostos aos seus;
- Não gosta de escrever nada sobre experiência própria, principalmente se for algo triste, no entanto, existem alguns capítulos numa das estórias que têm algo da experiência própria da autora;
- Geralmente quando está bloqueada em algo, desliga da estória e, um tempo depois, está a fazer algo e vêm ideias novas à cabeça e, normalmente, é sempre em lugares onde a autora não tem o caderno à mão;
- Gosta quando as pessoas dizem que se emocionaram ou ficaram boquiabertas ao ler as estórias;
- Prefere fazer estórias dramáticas do que de aventura ou comédias;
- Tem sempre um problema quando precisa de um capitulo romântico numa parte de uma estória. Geralmente os seus capítulos românticos são tudo menos românticos. Eles passam mais a mistério que romantismo;
- A autora tem sempre personagens que são descritos muito diferentes dela própria, no entanto, ao contrário do que os leitores pensam, a autora nunca costuma "matar" esses personagens;
- A autora não gosta das suas personagens Carolina e Alexandra da estória "A Escola do Terror" e da personagem Rita da estória "Noiva do Irmão". A autora diz que, provavelmente, não conseguiria se relacionar com pessoas descritas como estas personagens foram;
- Escreveu a estória "Há Busca De Um Sonho I" enquanto andava no Algarve (Portugal);
- Escrever as três partes de "A Escola De Terror" foi a coisa mais emocionante que a autora já fez na vida. Esta estória e "Encontro com o 666" são as que a autora mais gostou de escrever;
- Não gosta do calor nem do frio em excesso;
- Gosta dos números 3, 6 e 9 e não gosta de números pares;
- Não gosta de pessoas que maltratam animais, dos políticos e nem de pessoas sem sentido de humor;
- Tem como ídolo o Eminem e os seus estilos musicais favoritos são o Rap e o R&B;
- Sonha em apostar na representação e ter os seus livros no mercado;
- Os seus atores favoritos são: Anne Hathaway, Elisabeth Banks, Camilla Belle e Will Smith, Samuel L. Jackson, Eddie Murphy e Johnny Depp e a sua personagem histórica favorita é o Charles Chaplin.


"Sou a única pessoa no mundo que eu realmente queria conhecer bem".
Oscar Wilde